sexta-feira, 12 de maio de 2017

SANEAMENTO BÁSICO - E Coroatá como fica?

Fotografia/Blog do Maciel Silva
Peritoró saiu na frente, em situação de avanço sobre Coroatá, com a instalação da primeira Audiência Pública, ocorrida na sede do Pode Legislativo, para elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB). A Prefeitura conseguiu uma parceria com a Fundação Nacional da Saúde (FUNASA) e a Universidade Federal Fluminense (UFF/RJ); Conta com apoio de lideranças comunitárias, vereadores e gestores municipais ligados principalmente à Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo.

O Plano, segundo a Coordenação, deve contempla principalmente intervenção sobre os serviços de abastecimento de água potável, coleta e tratamento de esgoto sanitário, limpeza urbana e manejo dos resíduos sólidos. Será produzido um diagnóstico da situação atual, seus impactos na qualidade de vida da população, com prognóstico das demandas dos serviços para os próximos anos.

Enquanto isso, Coroatá caminha a passos de tartaruga. O cenário de descaso é o que se vê por todo lado, como o drama vivido pelas famílias do Bairro Tresidela [RELEMBRE AQUI].

Tudo isso sem falar no comprometido acompanhamento das ações por falta de cumprimento pleno do rito de transparência. Difícil o acesso às informações da execução orçamentária e financeira. Com informações do Blog do Maciel Silva

POSTS CORRELATOS: