segunda-feira, 1 de maio de 2017

Deixa Luizinho brincar, gente!!! Ele sabe o que faz e Coroatá quis assim...

O Governo "comunista" de Flávio Dino festeja números apurados pelo próprio Estado que indicam queda em alguns índices da criminalidade; mas, em Coroatá, não é, infelizmente, o que ocorre e já faz algum tempo. Desde a saída do delegado Samuel Morita, no final do Governo de Roseana Sarney, que o povo não tem mais sossego.

Esta semana, o próprio programa da Rede Nazaré Canal Aberto, apresentado pelo vereador Marcílio Gonçalves (PCdoB), que é seguidor do grupo dominante no Maranhão, teve de denunciar onda de roubo de motocicletas no Município [Ouça áudio do programa logo abaixo].

Marcílio, em tom de quase indignação e revolta, exigiu que o Sistema de Segurança do Estado tome providências urgentes. A denúncia é de que 10 motocicletas foram roubadas de cidadãos coroataenses somente neste final de semana. A manifestação do próprio comunista vai de encontro com o que prega o seu Governo, apesar do esforço gigantesco de policiais abnegados, a exemplo do trabalho do solitário delegado Cláudio Mendes, titular da DEPOL de Coroatá.

REALIDADE TRADUZIDA

Para uma grande parte da comunidade, quase absoluta, o crime assola Coroatá e ISTO foi usado como mote de campanha do atual prefeito Luís Amovelar Filho (PT). Havia uma crítica contumaz contra a sua antecessora Teresa Murad (PMDB) no sentido de que medidas fossem tomadas na área de segurança, como a reativação das Guaritas, da Guarda Municipal. Contudo, até hoje nada foi feito, tudo destoa do material da eleição.

Assim, NÃO pega bem, neste momento, o prefeito esbanjar vida boa, sossego, farra, como o fez com amigos e secretários municipais justo neste final de semana, ato famigerado minado nas redes sociais. Pronto! Está revelada a cara do Governo. A realidade traduzida... Prefeito nem comemorou o Dia do Trabalhador, né gente? Também o curso de Direito em São Luís o exige tanto!!!