segunda-feira, 24 de abril de 2017

SINPROEM comunica adesão à greve nacional de 28 de abril e faz convocação a professores

Resultado de reunião ocorrida na última sexta-feira, 21, a direção do Sindicato dos professores do Ensino Municipal de Coroatá (SINPROEM) comunica que o sindicato irá aderir à Greve Nacional programada para ocorrer no próximo dia 28. A greve está sendo mobilizada por sindicatos, confederações e centrais sindicais em todo país. Será uma forma de repúdio às propostas de Terceirização e Reformas Previdenciária e Trabalhista impostas pelo Governo Temer (PMDB), que irá atingir diretamente todos os professores, trabalhadores rurais e demais trabalhadores de todo Brasil.

O SINPROEM também já comunicou a Prefeitura de Coroatá sobre a paralisação e convoca todos os professores da Rede Municipal para a realização de um Ato Público às 8:30h da manhã, na Praça da Igreja Matriz, no Centro de Coroatá, onde serão distribuídos panfletos.

O convite está aberto também aos jovens, outros sindicatos e trabalhadores em geral que possam somar força contra as ações do governo que podem afetar seriamente o trabalhador.

A direção do Sindicato da Agricultura Familiar de Coroatá (SINTRAF) confirmou que irá aderir à greve e participar do ato.

Se as propostas forem aprovadas, as novas regras da aposentadoria dos trabalhadores serão uma verdadeira humilhação, o direito à carteira assinada e à estabilidade via concurso público podem acabar e serem substituídos por contratos precários, estes e muitos direitos garantidos pela Constituição Federal e CLT conquistados às duras lutas podem ser sucumbidos.

- Venha e participe conosco, pois a batalha é em prol do futuro de todos os trabalhadores brasileiros!! - frisou o presidente do SINPROEM, professor Reginaldo Jansen.
Ofício do Sindicato comunicando a Prefeitura sobre a greve