quinta-feira, 4 de agosto de 2016

DMT em Coroatá mostra trabalho e restitui patrimônio de cidadãos coroataenses

Fotos/Arquivo DMT
A excelência operacional do Departamento Municipal de Trânsito (DMT) mantem-se sob todos os aspectos, segundo notória afirmativa reproduzida junto à opinião pública. Com este perfil o diretor do órgão Marciley Ronys manifestou-se nesta semana. Divulgou os resultados mais recentes de operações especiais no Município, desenvolvidas com o apoio da Polícia Militar (PMMA). Nada mais, nada menos, do que duas motocicletas foram recuperadas em prazo curtíssimo de investigação.

Ontem, um lavrador da comunidade Nogueira,que foi assaltado no povoado Km 14 na semana passada, teve a sua moto localizada. Fora recuperada após operação policial no povoado Capa Bode. O receptador, identificado e conduzido à Delegacia de Polícia (DP), alegou que havia comprado a moto. Buscando sua inocência, ele disse que é pedreiro e que estava trabalhando em São Paulo.

Outra motocicleta recuperada pelo o DMT e PMMA é do município de Nina Rodrigues e está à disposição da Polícia Civil para o devido inquérito. Uma vistoria básica flagrou chassi raspado. O cidadão acusado garantiu que não sabia que o veículo era produto ilícito.

- É assim que vamos trabalhar sempre. A partir da próxima semana, as rondas serão intensificadas para zerar a circulação de veículos roubados em Coroatá. Queremos também reduzir a estatística de assaltos - frisou Marciley Ronys.

ESTRUTURA - A Administração Municipal entregou, no último dia 18, nova sede da Guarda Municipal (GM) e Departamento Municipal de Trânsito (DMT), envolvendo estrutura de ponta para a prestação dos serviços à população. O DMT tem localização estratégica para a maior cobertura e atuação. O órgão conta com estrutura adequada e funcionará no entorno da Praça Monsenhor Estrela (Travessa Jorge Amorim), próximo à Ponte da Tresidela.