sexta-feira, 5 de agosto de 2016

Em estado clínico grave, porém estável, advogado João Guilherme segue internado no Macro

Arquivo pessoal/J. Guilherme à esquerda
do pai, vereador Jocimar Pereira
O quadro clínico do advogado João Guilherme, segundo informações de especialistas, é grave porém estável. No início desta manhã, não havia diagnóstico preciso que apontasse sobre o descarte da necessidade de uma segunda neurocirurgia. A junta médica aguarda evolução do paciente que sofreu acidente no início da noite de ontem, 04. Guilherme, filho do vereador Jocimar Pereira (PMDB), é servidor da Prefeitura de Coroatá, lotado na Assessoria Jurídica.

Guilherme, que conduzia sua motocicleta nas imediações do prédio do Centro de Videomonitoramento, sofreu forte pancada na cabeça após colisão frontal com outro motociclista. Este não teve nenhum problema, ficou bem. Guilherme, por sua vez, também não tem um arranhão. Tudo se resumiu ao choque na cabeça, pois o capacete havia sacado no instante do acidente.

Da UPA, o advogado foi imediatamente transferido para o Macrorregional de Coroatá e, por volta das 23 horas, no Centro Cirúrgico, se submeteu a uma neurocirurgia. Depois de zero hora a intervenção cirúrgica foi encerrada com sucesso, sem intercorrências.