terça-feira, 5 de julho de 2016

O “Padrão Murad” de qualidade em Coroatá

Fachada da nova sede da administração municipal [Foto: Ronny Sales/Secom PMC]
Por DIEGO EMIRHá algo de diferente no centro-leste maranhense. Enquanto a maior parcela dos municípios do Maranhão continuam no século XIX, ofertando precários ou até mesmo havendo a inexistência de serviços públicos, a cidade de Coroatá pode ser considerada um oásis em meio a tanta ineficiência do poder público. Sob gestão da prefeita Teresa Murad, os coroataenses possuem estruturas que poucos municípios no Brasil dispõem.

SAMU estruturado, Centro Especializado de Reabilitação em pleno funcionamento, Academia da Saúde e o projeto Cidade Digital que promove inclusão digital para todos. Estes são alguns dos exemplos do padrão de gestão pública imposto pelos Murad em Coroatá.

Ricardo e Teresa Murad inauguram o projeto “Cidade Digital” que oferta wifi de graça
[Foto: Ronny Sales/Secom PMC]
Antes, vale lembrar que outro exemplo de qualidade na oferta de serviço público já foi demonstrada pelo ex-deputado Ricardo Murad. Conhecido como “Tratorzão”, o gestor proporcionou mudanças significativas no Maranhão através dos cargos de gerente metropolitano e secretário de Saúde.

Mas é a frente da Secretaria da Saúde do Maranhão que Ricardo Murad implantou um serviço moderno e de qualidade que pode receber a nomenclatura de “Padrão Murad”. UPA´s e hospitais foram construídas, o Hospital Carlos Macieira adaptado, modernizado e finalmente oferecendo um atendimento com dignidade a população maranhense.

SAMU pronto para atender até 8 municípios e a zona rural
[Do: 
http://diegoemir.com]
Durante a gestão de Murad na SES, a rede pública de Saúde era tão reconhecida pela sua qualidade e eficiência que muitos maranhenses mesmo com planos de saúde, optavam por um atendimentos nas UPA´s.

Modelo semelhante foi implantado na cidade de Coroatá. Ricardo Murad atuou como secretário de Inovação e Modernização, e foi assim que auxiliando a sua esposa, Teresa Murad, foi instalado um SAMU que possui estrutura superior ao da capital maranhense. Ambulâncias e profissionais da saúde estão prontos para atender até 8 municípios, além de ofertar o SAMU rural.





Academia da Saúde estruturada para pôr fim ao
sedentarismo dos coroataenses
Outro avanço destacável é o Centro Especializado de Reabilitação (CER) que atende diariamente pessoas com deficiência de todas as idades, com problemas de coordenação física e motora por meio de uma equipe multidisciplinar. Lá estão a disposição dos coroataenses seis fisioterapeutas, uma psicóloga, uma fonoaudióloga, uma enfermeira e quatro técnicas em enfermagem. O CER é equipado com uma sala para atividades motoras, três salas de eletroterapia e consultórios de psicologia a fonoaudiologia, além de um outro espaço destinado à terapia em grupo, reeducação funcional para disfunção neuromotora (cinesioatividade) e terapia ocupacional.





Centro Especializado de Reabilitação é um dos projetos
pioneiros no Maranhão
Quem tem o costume de acordar cedo e deseja deixar o sedentarismo, a Academia da Saúde é uma ótima opção, funcionando das 5h da manhã até às 22h, o espaço público oferta serviços que em muitos casos só são possíveis através de instituições privadas. É possível fazer corrida, caminhada, ou mesmo atividades em aparelhos de musculação, alongamento, tudo com professores fazendo o acompanhamento. A inovação fica por conta da oferta de aulas de judô, ginástica rítmica e danças.

Para completar o avanço, agora Coroatá pode receber a denominação de Cidade Digital com a implantação do serviço de wifi grátis para toda a população na Praça José Sarney no Centro do município. E estes serviços apresentados é apenas uma pequena parcela da transformação promovida pela gestão de Teresa Murad em Coroatá em menos de 4 anos.

Em se tratando de administração e gestão pública não há o que se discutir, o “Padrão Murad” de qualidade é um diferencial. Sorte dos coroataenses que podem viver uma verdadeira mudança na qualidade vida.