sexta-feira, 4 de março de 2016

Diogo fica chupando dedo. Vereador Riba Maia sai na frente e quer o PROCON em Coroatá



Ao tomar conhecimento da Ordem do Dia, da Câmara de Vereadores, que incluía matéria pertinente da liderança de Governo em favor da população coroataense, o petista Raimundo Diogo tratou de anunciar, de modo precário, certeira inclusão de Coroatá no rol de municípios a ser contemplado pelo Governo Estadual com unidade permanente do PROCON. A esperteza do petista caiu por terra, na Sessão Ordinária de ontem, 03, com a apresentação oficial, em primeira mão, de Indicação do vereador Riba Maia (PSC) neste sentido.

- Por falta de tempo a nossa matéria não pode entrar em discussão; ficou para a próxima sessão. O funcionamento do órgão em Coroatá trará inúmeros benefícios à nossa população - assinalou Riba Maia. O vereador, nesta linha de trabalho, tem tomado a dianteira em relação à violação de direitos do consumidor coroataense, como o que ocorre no setor bancário. O líder do Governo de Teresa Murad, na Câmara, já denunciou inclusive ao Ministério Público o péssimo atendimento das agências dos bancos do Brasil e Bradesco que, entre outras faltas graves, não disponibilizam dinheiro nos caixas eletrônicos de modo suficiente. A cobrança das contas de abastecimento d'água por estimativa é outra situação abominável que Riba Maia condena. Ele promete entrar na Justiça contra a CAEMA que lesa milhares de consumidores.
____________________________________________
COMENTÁRIO DO BLOG:

Espera-se que, quando o PROCON chegar, se chegar, o órgão não funcione dentro do Viva Cidadão. O órgão está sob infeliz sucateamento, em Coroatá, desde o início do Governo de Flávio Dino. O Viva, primeiramente, sofreu com a falta de fornecimento de energia elétrica. Depois, por não honrar com o pagamento de aluguel do prédio onde o órgão estava instalado, o Governo o transferiu para as instalações da unidade de ensino médio Luiz Montenegro Tavares, prejudicando irregularmente as atividades estudantis. Essa é a política da "mudança" apoiada pelo grupo G10, seguidores de Flávio Dino...