terça-feira, 8 de março de 2016

Atendimento no Macrorregional de Coroatá é uma vergonha!

Boletim de Urgência do Macrorregional
Não tem jeito mesmo. O Governo de Flávio Dino é um fracasso total. A "mudança" foi péssima. São frases já corriqueiras nas repartições públicas. Hoje, o péssimo atendimento atingiu a uma gestante no hospital Macrorregional de Coroatá. Sem manifestar a cor partidária, ela teve de enfrentar a "cara dura" dos "comunistas", ficando com atendimento incompleto.

Submetida ao rigor do sistema que privilegia o paciente por camaradagem, Marcela C. A. A. chegou ao hospital às 10:23min. conforme o Boletim de Urgência do Macro (foto ao lado). Foi informada que os médicos estavam todos nos Centros Cirúrgicos. E passou uma hora, duas e nada. Às 13:00hs o diretor Clínico, médico José Rodrigues, surgiu pelo corredor e sumiu. Mas, o atendimento dos "comunistas" a outra paciente, provavelmente correligionária, foi rápido com a intervenção de uma funcionária da Administração identificada por Simone. De imediato, uma técnica tratou de chamar aquele diretor.

Familiares de Marcela C.A.A. desabafaram que, em resumo, não há o mínimo de respeito aos cidadãos comuns. Todos têm de enfrentar a concorrência da fila dos "agendamentos", como o que ocorria hoje em favor de algumas pessoas do município de Igarapé Grande. Já no oitavo mês de gestação, Marcela, apesar de horas em espera e sofrimento, foi atendida. Ficando pendente o retorno para verificação de exame. Mais um dispêndio aos maranhenses. Procedimento inexplicável, pois, na Administração anterior o atendimento era no mesmo expediente. Post atualizado em 08/03/2016, às 19:40min, para acréscimo de informações

Veja denúncias correlatas:
FLAGRANTE - Olha o que o Grupo G10 e Flávio Dino fazem com a UPA de Coroatá
Flávio Dino, Pacheco e Grupo G10 de Coroatá levam Saúde do Maranhão para o buraco
Olha o que acontece com quem cuida de vida humana
A MUDANÇA DE FLÁVIO DINO: Pacientes ficam no chão em Coroatá
Ricardo Murad denuncia matança em UTI de hospital do Estado
Mortes no Hospital Macrorregional de Coroatá sāo investigadas
Mais provas firmam covardia de Flávio Dino
Outra morte misteriosa dentro do Macrorregional de Coroatá. A vítima, outra criança...
Flávio Dino abra o olho: Assédio sexual campeia no Macrorregional de Coroatá

Conheça o Centro de Estética, Fisioterapia e Nutrição AQUI