quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

Saúde - A pior gestão de todos os tempos

Por ANDRÉA MURAD - O secretário de Saúde, Marcos Pacheco, continua se revelando o pior gestor de todos os tempos na saúde pública do Maranhão. Ao receber dezenas de hospitais, todos equipados, com pessoal qualificado e um sistema completamente organizado e eficiente, ele conseguiu em 1 ano transformar a nossa saúde num verdadeiro caos. Isso porque Marcos Pacheco e Flávio Dino, além de outras trapalhadas no funcionamento da rede, acham que pequenos municípios não precisam de hospitais novos, limpos, organizados e funcionando 24h para que a população tenha um atendimento de qualidade, podendo ali mesmo ser tratado e evitando que peregrine para grandes hospitais que já estão sobrecarregados pela falta de eficiência implantada na gestão de Marcos Pacheco. Tudo isso já é sentido pela população.

Agora, para se livrar dos hospitais de pronto atendimento, o secretário deu a desculpa de que as unidades não são resolutivas, por isso prefere priorizar os recursos para os hospitais regionais, hoje usados de forma politiqueira, sem padrão de qualidade e nenhum compromisso com o paciente. A gestão de Marcos Pacheco na saúde com o total descaso de um governador é CASO DE POLÍCIA, é caso para acionar ÓRGÃO INTERNACIONAIS e assim coibirmos toda prática de retrocesso e incapacidade no cuidado com vidas. Sem dúvida, A PIOR GESTÃO DE TODOS OS TEMPOS NA SAÚDE PÚBLICA, porque só no Maranhão para acabarem com tantos avanços conquistados em tão pouco tempo.